6 Passadiços para descobrir de Norte a Sul

Sarafauto
Descobrir Portugal
viagem mini férias

A pandemia veio reforçar a necessidade do exercício físico e do contacto com a natureza para o nosso bem-estar.
Com o desconfinamento, pode aproveitar para juntar o útil ao agradável e visitar um destes passadiços que lhe sugerimos hoje. Mas lembre-se: sempre em segurança e com a devida distância de segurança.

1. Passadiços do Paiva

Com um comprimento de cerca de 8,7 quilómetros, os Passadiços do Paiva são uma série de passadiços pedonais de madeira, em Arouca. 
A dificuldade apresentada para quem pretenda fazer este percurso, é de fácil a moderada. para quem pratique caminhadas regularmente. No entanto, caso não esteja tão habituado a este tipo de atividade física, a dificuldade será ligeiramente mais elevada.
Pode também aproveitar para conhecer a maior ponte suspensa do mundo, que se encontra aberta ao público desde o passado dia 3 de maio. Inspirada nas míticas pontes incas, esta ponte permite ligar as margens do Rio Paiva, contando assim com 516 metros de comprimento e 175 metros de altura.

 

2. Passadiços da Ria de Aveiro

Com início no Canal de São Roque (perto do centro da cidade de Aveiro) e fim junto ao rio Vouga, em Vilarinho, os Passadiços de Aveiro atravessam sapais, pequenos bosques e pinhais, brindando o visitante com vistas soberbas sobre a maravilha natural que é a Ria de Aveiro com a sua fauna e flora. É um passadiço de fácil acesso com um comprimento de cerca de 7,5km num percurso plano e com várias zonas onde pode descansar e apreciar a vista.

 

3. Passadiços da Ribeira das Quelhas

A Ribeira das Quelhas tem origem na Nascente dos Seixinhos, e desde aqui, todo o seu percurso possui quelhas e penhasos que resultam em incríveis cascatas de águas cristalinas (que no verão se tornam bastante convidativas para um mergulho). Agora o acesso a esta obra de arte natural é já bastante mais acessível através dos passadiços recentemente construídos. Com uma extensão de cerca de 5km, este percurso pode revelar-se bastante complexo, uma vez que para aceder este percurso há uma escadaria com cerca de 1km de extensão.
 

4. Passadiço das Fragas de São Simão

Estes passadiços ligam a Aldeia de Xisto do Casal de São Simão ao Miradouro das Fragas de São Simão, em Figueiró dos Vinhos, num percurso cujo comprimento ronda os 2 quilómetros. Este é um percurso que pode fazer em qualquer época do ano, no entanto, se preferir aproveitar o tempo mais quente, pode ainda aproveitar as águas límpidas da Praia Fluvial das Fragas de São Simão. 


5. Passadiços do Tejo

Situados no Parque Linear Ribeirinho do Estuário do Tejo, a sul do Concelho de Vila Franca de Xira, os Passadiços do Tejo brindam quem os percorre com paisagens incríveis do Estuário do Tejo, onde é possível encontrar sapais, salinas abandonadas e ainda uma vasta diversidade de aves e flora. O percurso tem cerca de 1,5km (ida e volta), o que lhe dá uma dificuldade bastante baixa. No entanto, pode optar por conhecer ainda a frente ribeirinha do parque, o que eleva a extensão do percurso para cerca de 5 quilómetros.

 

6. Passadiços do Carvoeiro

Passando agora para a zona sul de Portugal, falamos dos passadiços que lhe vão permitir apreciar um das mais bonitas atrações naturais do Algarve. Os Passadiços do Carvoeiro permitem-lhe descobrir o famoso Algar Seco. Deve começar a sua caminhada junto da Capela da Nossa Senhora da Encarnação e seguir os cerca de 1,5km (de ida e volta) a apreciar as formações rochosas que fão origem ao Algar Seco. Aproveite ainda para descer até à Gruta da Boneca e capturar o momento com uma fotografia.

Pronto para partir à aventura? Vamos a isso! Reserve já a sua viatura com a Sarafauto e partilhe connosco as suas experiências e memórias.
 

Este website recorre ao uso de cookies para proporcionar uma melhor e mais personalizada experiência de utilização aos seus visitantes. Ao usar este site aceita o uso de cookies tal como descrito na nossa Política de Cookies. Para informações mais detalhadas acerca de como utilizamos cookies e como funcionam, por favor, consulte Política de cookies.